VOCÊ - UM AMOR EM MIM LATENTE
 

Milhões de palavras não serão suficientes

Para demonstrar os meus sentimentos

Curvam-se a eles os medos, obedientes

Diante do amor livre de falsos julgamentos

 

Sinto-me segura, não há nada que o destrua

À prova de ventanias mentirosas e sedutoras

Perdedor foi aquele  que tentou tal falcatrua

Teve na verdade e fidelidade suas executoras

Nosso amor tem no tempo o berço fortalecedor

Nestes vinte e um anos que nosso olhar se cruzou

Ao seu lado sinto alegria e posso acalentar a dor

 

Nesta manhã, ao te abraçar, meu coração palpitou

Você é paixão, é amor, que em mim pulsa latente

Uma chama que flama, sou em ti amor ardente...

Dedicado ao meu marido. Hoje, 26/11/2013, comemoramos 21 anos juntos!


Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados à Marcela Re Ribeiro - Reprodução Proibida

LIVROS DA AUTORA

​SIGA-ME

  • Facebook Classic
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • Twitter Classic
  • c-youtube

© 2018 Todos os Direitos Reservados à Marcela Re Ribeiro